Desenvolvimento local e turismo: por uma ética de compromisso e responsabilidade com o lugar e com a vida

  • Sérgio Ricardo Oliveira Martins
Palavras-chave: desenvolvimento local, turismo, participação popular, sustentabilidade.

Resumo

Ao tratar de desenvolvimento local e turismo, o objetivo deste trabalho é refletir a relação que se estabeleceentre os dois temas na perspectiva do desenvolvimento sustentável, entendido como uma conquista a ser socialmentealcançada, isto é, desde do indivíduo até a coletividade, processo que envolve, irremediavelmente, entender e assumiruma outra consciência da realidade, das pessoas, do ambiente. Entende-se que tal consciência ecológico-humanista,que assume a sustentabilidade como conquista possível, implica em participação ativa, isto é, em engajamento socialpautado por uma ética de compromisso e responsabilidade com a sustentação da vida.

Referências

ÁVILA, V. F. Pressupostos para formação educacional em desenvolvimento local. In: Interações - Revista Internacional de Desenvolvimento Local, Campo Grande, v. 1, n. 1, p. 63-76, set./2000.

BLANCO, M. R. Teoria general de turismo. 2. ed. México: Editorial Diana, 1992. BARTHOLO Jr., R. S., BURSZTYN, M. Prudência e utopismo: ciência e educação para a sustentabilidade. In: BURSZTYN, M. (org.). Ciência, Ética e Sustentabilidade. São Paulo: Cortez; Brasília: UNESCO, 2001. p. 159-188

CAPRA, F. O ponto de mutação - a ciência, a sociedade e a cultura emergente. Trad. Álvaro Cabral. São Paulo: Cultrix, 1982.

CARPIO, J. , BOURLEGAT, C. A., MARTINS, S. R. O. Los retos del Mato Grosso do Sul: entre la globalización y el desarrollo local. In: MARQUEZ, D. (coord). Territorio y Cooperación. Sevilha: AGEAL/Universidade de Sevilha, 1999.

CARPIO, J. Los retos por una sociedad a escala humana: el desarollo local. In: SOUZA, M. A. A. et al (org). Metrópole e Globalização: conhecendo a cidade de São Paulo. São Paulo: Editora EDESP, 1999. p. 169-177.

_____. Desarrollo local para un nuevo desarrollo rural. In: Interações - Revista Internacional de Desenvolvimento Local, Campo Grande, v. 2, n. 3, p. 57-66, set./2001.

CASTELLS, M. O poder da identidade. 2. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2000. A era da informação: economia, sociedade e cultura. v. 2.

DIAS, G. F. Populações marginais em ecossistemas urbanos. 2. ed. Brasília: IBAMA, 1994.

ELIZALDE, A. Desarrollo a escala humana: conceptos y experiencias. In: Interações - Revista Internacional de Desenvolvimento Local, Campo Grande, v. 1, n. 1, p. 51-62, set./2000.

LE BOURLEGAT, C. A. Ordem local como força interna de desenvolvimento. In: Interações - Revista Internacional de Desenvolvimento Local, Campo Grande, v. 1, n. 1, p.13-20, set./2000.

OLSON, M. A lógica da ação coletiva. São Paulo: Edusp,1999.

MAX-NEEF, M.; ELIZALDE, A.; HOPENHAYN, M. Desarrollo a Escala Humana: una opción para el futuro. Londres: CEPAUR, 1986.

RODRIGUES, Adyr B. Turismo local: oportunidades para inserção. In: _____. (org.). Turismo e Desenvolvimento Local. São Paulo: Hucitec, 1997. p. 55-64.

_____. Truísmo eco-rural: interfaces entre o ecoturismo e o turismo rural. In: ALMEIDA, J.; FROEHLICH, J. M.;

RIEDL, M. (orgs.) Turismo e desenvolvimento sustentável. Campinas: Papirus, 2000. p. 111-126.

RODRIGUES, Arlete M. Desenvolvimento sustentável e atividade turística. In: Rodrigues, A. B. (org.). Turismo e Desenvolvimento Local. São Paulo: Hucitec, 1997. p. 42-54

RUSCHMANN, D. Turismo e planejamento sustentável: a proteção do meio ambiente. 6. ed. Campinas: Pairus, 2000.

SANTOS, M. A natureza do espaço - técnica e tempo, razão e emoção. São Paulo: Hucitec, 1996a.

_____. O espaço do cidadão. São Paulo, Nobel, 1996b SOUZA, M. J. L. Como pode o turismo contribuir para o desenvolvimento local? In: Rodrigues, A. B. (org.). Turismo e Desenvolvimento Local. São Paulo: Hucitec. p. 17-22. 1997.

TUAN, Yi-Fu. Geografia Humanística. Anais da Associação de Geógrafos Americanos, v. 66, n. 2, junho/1976.

Publicado
2016-02-25
Seção
Artigos