Evolução da população rural ocupada nas Grandes Regiões do Brasil entre 2001 e 2009

Tiago Santos Telles, Gustavo Vaz da Costa, Matheus Demambre Bacchi, Antonio Carlos Laurenti

Resumo


O presente estudo teve por objetivo analisar a evolução da população economicamente ativa (PEA) ocupada, por situação de domicílio, sobretudo rural, em setor de atividade, agrícola e não agrícola, nas Grandes Regiões do Brasil, entre 2001 e 2009. Verificou-se um declínio da PEA rural ocupada em atividades agrícolas nas Grandes Regiões consideradas no estudo. Todavia esta redução foi mais do que compensada pela expansão da PEA rural ocupada em atividades não agrícolas, levando ao aumento da PEA rural.

Palavras-chave


PEA; atividades agrícolas; atividades não agrícolas.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, C. L. B.; PAULO, E. M. Mercado de trabalho rural cearense: evolução recente a partir dos dados da PNAD. Revista da ABET, São Paulo, v. 11, n. 2, p. 47-61, 2012.

BALSADI, O. V. Comportamento das ocupações na agropecuária brasileira no período 1999-2003. Informações Econômicas, São Paulo, v. 35, n. 9, p. 38-49, 2005.

BALSADI, O. V. Ocupações não agrícolas da população rural no Centro-Oeste brasileiro no período 2001-2005. Informações Econômicas, São Paulo, v. 38, n. 11, p. 39-47, 2008.

BALSADI, O. V.; BORIN, M. R. Ocupações agrícolas e não-agrícolas no rural paulista: análise das evoluções no período 1990-2002. São Paulo em Perspectiva, São Paulo, v. 20, n. 4, p. 155-174, 2006.

BALSADI, O. V.; GOMES, E. G. Evolução das condições de vida das famílias de empregados na agricultura brasileira no período 1992-2004. Revista de Economia Agrícola, São Paulo, v. 54, n. 2, p. 67-1014, 2007.

BAZOTTI, A.; NAZARENO, L. R.; CINTRA, A. P. U. Um ensaio sobre as famílias agrícolas paranaenses a partir das PNADs 1992, 1998, 2005 e 2007. Revista Paranaense de Desenvolvimento, Curitiba, n. 117, p. 123-145, 2009.

DEL GROSSI, M.; GRAZIANO DA SILVA, J. Mudanças recentes no mercado de trabalho rural. Parcerias Estratégicas, Brasília, v. 11, n. 22, p. 201-2016, 2006.

FERREIRA, B.; BALSADI, O. V.; FREITAS, R. E.; ALMEIDA, A. N. Ocupações agrícolas e não agrícolas: trajetória e rendimentos no meio rural brasileiro. In: DE NEGRI, J. A.; DE NEGRI, F.; COELHO, D. (Org.). Tecnologia, exportação e emprego. Brasília: IPEA, 2006. p. 445-488.

FREITAS, R. E.; MENDONÇA, M. A. A.; LOPES, G. O. Expansão de área agrícola nas mesorregiões brasileiras. Revista de Política Agrícola, Brasília, v. 20, n. 1, p. 100-116, 2011.

FROEHLICH, J. M. Gilberto Freyre, a história ambiental e a ‘rurbanização’. História, Ciências, Saúde-Manguinhos, Rio de Janeiro, v. 7, n. 2, p. 283-303, 2000.

GRAZIANO DA SILVA, J. O novo rural brasileiro. Nova Economia, Belo Horizonte, v. 7, n. 1, 1997.

GRAZIANO DA SILVA, J. Velhos e novos mitos do rural brasileiro. Estudos Avançados, São Paulo, v. 15, n. 43, p. 37-50, 2001.

GRAZIANO DA SILVA, J.; DEL GROSSI, M. E. Rural nonfarm employment and incomes in Brazil: patterns and evolution. World Development, Oxford, v. 29, n. 3, p. 443-453, 2001.

HOFFMANN, R. Análise de regressão: uma introdução à econometria. 4. ed. São Paulo: Hucitec, 2006.

LAURENTI, A. C. Evolução da ocupação e do rendimento das pessoas no meio rural do Paraná no período 2001-2009. Revista Paranaense de Desenvolvimento, Curitiba, v. 34, n. 124, p. 175-199, 2013.

LAURENTI, A. C. Ocupação e renda na nova ruralidade brasileira: tendências de variação na ocupação e no rendimento da população rural no período 2001-2009. Londrina, PR: IAPAR, 2014.

LAURENTI, A. C.; PELLINI, T.; TELLES, T. S. Evolução da ocupação e do rendimento das pessoas no espaço rural brasileiro no período de 2001 a 2009. Revista de Economia e Sociologia Rural, Brasília, v. 54, n. 2, p. 321-342, 2015.

MAIA, A. G.; BUAINAIN, A. M. O novo mapa da população rural brasileira. Confins, Paris, n. 25, p. 1-26, 2015.

SANTOS, M. A urbanização brasileira. 5. ed. São Paulo: Edusp, 2005.

SAUER, S.; LEITE, S. P. Expansão agrícola, preços e apropriação de terra por estrangeiros no Brasil. Revista de Economia e Sociologia Rural, Brasília, v. 50, n. 3, p. 503-524, 2012.




DOI: http://dx.doi.org/10.20435/1984-042X-2017-v.18-n.1(02)

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 
Indexada em:
 
 

ISSN 1984-042X (versão online)