A educação intercultural e os desafios para a escola e para o professor

Vanilda Alves da Silva, Flavinês Rebolo

Resumo


O artigo discute os desafios enfrentados pelos professores frente às diferenças culturais que permeiam a escola contemporânea. Realizado a partir de uma revisão bibliográfica, traz as principais dificuldades para a escola e para o professor quando se busca uma educação pautada em princípios de igualdade e respeito pelo diferente, que caminhe na perspectiva do diálogo e que considere o ‘outro’ relevante.

Palavras-chave


educação intercultural; escola contemporânea; professores.

Texto completo:

PDF

Referências


CANDAU, V. M. Diferenças culturais, cotidiano escolar e práticas pedagógicas. Currículo sem Fronteiras, v. 11, n. 2, p. 240-255, 2011.

______. Direitos humanos, educação e interculturalidade: as tensões entre igualdade e diferença. In: CANDAU, V. M. (Org.). Educação intercultural na América Latina: entre concepções, tensões e propostas. Rio de janeiro: 7 Letras, 2009. p. 154-173.

______. A diferença está no chão da escola. In: COLÓQUIO LUSO-BRASILEIRO SOBRE QUESTÕES CURRICULARES, 4. E COLÓQUIO SOBRE QUESTÕES CURRICULARES, 8., 2008. Anais... Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina, 2008.

______. Sociedade, educação e cultura. Petrópolis, RJ: Vozes, 2002.

COPPETE, M. C. Educação intercultural e sensibilidade: possibilidades para a docência. 2012. Tese (Doutorado em Educação) - Faculdade de Educação, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2012.

FLEURI, R. M. Intercultura e educação. Revista Brasileira de Educação, n. 23, p. 16-35, 2003.

FLEURI, R. M. (Org.). Intercultura: estudos emergentes. Ijuí, RS: Unijuí, 2002.

FRIED, R. L. The game of school. New York: Jossey-Bass, 2005.

GABRIEL, C. T. Didática crítica multi/intercultural: sobre interlocuções teóricas e construções de objetos. In: CANDAU, V. M. Educação intercultural e cotidiano escolar. Rio de Janeiro: 7Letras, 2006. p. 31-49.

GASPARIN, J. L. Uma didática para a pedagogia histórico-crítica. Campinas, SP: Autores Associados, 2007.

GRILLO, M. O professor e a docência: encontro com o aluno. In: ENRICONE, D. (Org.). Ser professor. Porto Alegre, RS: EDIPUCRS, 2004. p. 73-89.

HERNANDEZ, J. M. da C.; CALDAS, M. P. Resistência à mudança: uma revisão crítica. RAE – Revista de Administração de Empresas, São Paulo, v. 41, n. 2, p. 31-45, 2001.

IMBERNÓN, F. Formação docente e profissional: formar-se pra a mudança e a incerteza. 4. ed. São Paulo: Cortez, 2004.

JESUS, S. N. de. Professor sem stress. Realização e bem-estar docente. Porto Alegre, RS: Mediação, 2007.

______. de. Bem-estar dos professores: estratégias para realização e desenvolvimento profissional. Porto, Portugal: Porto Editora, 1998.

MORAN, E. F. Adaptabilidade humana. São Paulo: Edusp, 1994.

PANSINI, F.; NENEVÉ, M. Educação multicultural e formação docente. Currículo sem Fronteiras, v. 8, n. 1, p. 31-48, 2008.

PERUCCI, A. F. Ciladas da diferença. São Paulo: Editora 34, 1999.

SÁ, M. J. R. de; CORTEZ, D. de S. Desafios contemporâneos ao trabalho docente: mediações de saberes multi/interculturais no cotidiano educativo. In: ENCONTRO INTERNACIONAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE EDUCAÇÃO COMPARADA, 5., 2012. Anais... Belém do Pará, 2012. Disponível em: <http://www.sbec.org.br/evt_2012.php>.

SANTOS, B. de S. Reconhecer para libertar: os caminhos do cosmopolitanismo multicultural. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003.

SERPA, A. Cultura escolar em movimento: diálogos possíveis. Rio de Janeiro: Rovelle, 2011.

SILVA, S. R.; ALMEIDA, M. de L. P. de. Inclusão, reconhecimento e políticas educacionais no Brasil. In: NASCIMENTO, A. C.; LOPES, M. C. L. P.; BITTAR, M. (Org.). Relações interculturais no contexto da inclusão. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2012. p. 19-38.

TARDIFF, M.; LESSARD, C. O trabalho docente: elementos para uma teoria da docência como profissão de interações humanas. Petrópolis, RJ: Vozes, 2011.




DOI: http://dx.doi.org/10.20435/1984-042X-2017-v.18-n.1(14)

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1984-042X (versão online)
ISSN 1518-7012 (versão impressa, até v. 16, n. 1, jan./jun. 2015)